A menstruação pode um grande problema para as mulheres, seja pelas dores que ela traz, seja pelo cuidado em excesso que ela causa.

Aquelas com menstruação irregular possuem problemas extras, pois o ciclo ideal nunca ocorre. E, somado a isso, surgem dúvidas, incertezas e preocupações.

Diante desse problema bem complexo, e um tanto comum, chamado menstruação irregular, vamos tentar entendê-lo e trazer uma série soluções para te ajudar.

O QUE É A MENSTRUAÇÃO IRREGULAR?

Como já bem diz o nome, menstruação irregular é quando acontece ela fora do ciclo considerado normal.

O ciclo menstrual das mulheres tem início na adolescência e termina na chamada menopausa. Durante esse processo, o cérebro faz o controle dos ovários, que produzem hormônios que agem no útero, além de outros órgãos do corpo humano. Esse sistema faz o controle do ciclo da menstruação.

Imagem de calendário e absorventes

A menstruação ‘normal’ dura, aproximadamente, de 2 dias a uma semana, ocorrendo com um intervalo de 21 a 35 dias para sua próxima ocorrência.

Quando falhas e ciclos fora desse padrão ocorrem, já pode ser considerado uma menstruação irregular.

Vale ressaltar que esses ciclos desregulados, normalmente, causam uma hemorragia bem anormal.

TIPOS

A menstruação irregular é dividida em 5 tipos de ocorrência. São eles:

  • Oligomenorreia: são menstruação que acontecem com pouca frequência, com um período de ocorrência de ciclo para ciclo que demore mais do que 35 dias.
  • Metrorragia: a menstruação ocorre fora do ciclo considerado comum e o sangramento acontece em um fluxo grande
  • Menorragia: o fluxo menstrual aumento bastante, porém os intervalos se mantem regulares
  • Hipermenorragia: a menstruação dura mais tempo e com mais ocorrências
  • Amenorreia: a menstruação demora seis meses, ou mais, para ocorrer

CAUSAS DA MENSTRUAÇÃO IRREGULAR

Existe diversos fatores que podem causar a menstruação irregular. Os principais são:

  • Alteração em excesso no peso
  • Mudanças ou distúrbios hormonais
  • Problemas alimentares
  • Excessos durante a prática física
  • Estresse
  • Utilização de drogas ilícitas
  • Imperfuração do hímen
  • Sofrer com alguma síndrome nos ovário
  • Ter cicatrizes no revestimento do útero
  • Estar amamentando
  • Utilização constante de DIU
  • Ter trocado recentemente a pílula anticoncepcional
  • Espessamento do endométrio
  • Possuir pólipos no colo ou endométrio do útero
  • Miomas uterinos
  • Tumores no ovário
  • Neoplasias malignas
  • Endometriose

DIAGNÓSTICO

Inicialmente, quando a pessoa julgar necessária uma ajuda médica, ela deve procurar um especialista. Os que podem fazer o diagnóstico são: clínico geral ou ginecologista.

Ao chegar na consulta, o médico irá fazer algumas perguntas sobre a menstruação, sintomas que estão sendo apresentados e medicamentos que o paciente esteja tomando.

Após conseguir as respostas desejadas, o especialista irá solicitar alguns exames. Os que podem ser pedidos são:

  • Papanicolau
  • Colposcopia com biópsia
  • Ultrassonografia
  • Biópsia de endométrio
  • Exame de sangue e/ou urina

QUANDO BUSCAR AJUDA MÉDICA

Qualquer mulher que sentir uma alteração no seu ciclo menstrual, e achar necessário a ajuda médica, deve buscar um especialista. Porém, existe alguns fatores específicos que são, de fato, necessários a busca por um médico. São eles:

  • A não ocorrência de 3 ou mais ciclos menstruais normais em um ano
  • A menstruação irregular estar ocorrendo com um intervalo menor do que 21 dias ou maior do que 35 dias
  • Aumento em excesso das hemorragias e/ou das dores
  • A menstruação ter duração maior do que uma semana

TRATAMENTO PARA A MENSTRUAÇÃO IRREGULAR

A menstruação irregular causada durante a puberdade ou menopausa, normalmente, não precisa de tratamentos, pois é algo comum de ocorrer.

Somente se o sagramento for muito intenso ou as dores insuportáveis é que vai ser necessário um tratamento.

Quando a menstruação irregular ocorre os seguintes tratamentos podem ser indicados:

  • Alteração no medicamento anticoncepcional
  • A mulher começar a ter hábitos saudáveis e evitar o estresse
  • Terapia hormonal
  • Cirurgia, porém em casos mais extremos

Mulher com um relógio na frente da barriga

REMÉDIOS

Os medicamentos mais utilizados são: Ciclo 21, Duphaston e Perlutan.

Vale ressaltar sempre que somente o médico especialista pode fazer a indicação do medicamento. Nunca utilize um remédio por conta própria.

PERGUNTA DOS LEITORES

MENSTRUAÇÃO IRREGULAR PODE SER GRAVIDEZ?

Na verdade, mulheres gravidas não menstruam durante a gestação, então podemos classificar que sim. Esse pode ser um sintoma de gravidez.

COMO CALCULAR O CICLO MENSTRUAL IRREGULAR?

O calculo do ciclo menstrual, normalmente, é para definir o momento fértil mais adequado para tentar a gravidez.

As mulheres com menstruação irregular deve pegar o maior perídio para o início de um ciclo e tirar um média com o menor período para o início do ciclo, e, assim, conseguindo definir melhor qual o melhor momento para fazer o ato sexual com propósito de engravidar.

TENHO A MENSTRUAÇÃO IRREGULAR POR QUE PAREI DE TOMAR ANTICONCEPCIONAL?

Como foi abordado nesse artigo, uma das possíveis causas da menstruação irregular é a alteração no Anticoncepcional.

Então, no caso, se a mulher parar de tomar ou mudar o medicamento, pode, sim, ser a o motivo da desregulação do ciclo.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!